Transação Cidade Bairro Tipo   Sub-Tipo  
 
 
 
 
DICAS PARA VENDER UM IMÓVEL
 

Primeiro passo para vender um imóvel é procurar uma empresa idônea e que trabalhe com profissionais credenciados e preparados para oferecer o seu imóvel e lhe proporcionar um bom negócio.

Abaixo algumas dicas que podem evitar que seu imóvel seja rejeitado e podem fazer com que sua venda seja agilizada, confira:

1. Centralize a comercialização de seu imóvel com uma imobiliária, conheça melhor as vantagens da exclusividade.

2. Deixe seu imóvel a venda na empresa que lhe cobra uma autorização de venda pois isso é lei Federal e como tal, deve ser cumprida. Como uma empresa poderá trabalhar o imóvel sem uma autorização de venda?

3. Procure uma avaliação de mercado justa e não aquela que atenda os interesses do vendedor ou da imobiliária que quer captar a venda. Que por sua vez, sempre acaba avaliando o imóvel acima do valor de mercado apenas para conseguir a autorização com o vendedor, mas depois não consegue vender o imóvel.
Uma avaliação justa é um importante passo na venda do imóvel, pois permite que o imóvel seja colocado no mercado por um preço competitivo.

4. A empresa imobiliária escolhida deverá exigir do cliente vendedor cópias de todos os documentos principais como: escritura com registro, taxa de condomínio, contas de luz e água, impostos e ainda cópia da identidade e CPF do(s) vendedor(es)

5. Na escolha da imobiliária, veja também qual delas pode lhe proporcionar e garantir uma boa divulgação do seu imóvel, como: placas, anúncios em jornais de grande circulação, de bairros e portais imobiliários.

6. Permita que o corretor coloque placa em seu imóvel, pois segundo estatísticas do mercado a placa ainda é o melhor meio de divulgação do imóvel. Mas cuidado, o excesso de placas pode desvalorizar o seu bem.

7. Se o imóvel estiver vago deixe sempre a chave disponível com a imobiliária ou o profissional que está centralizando o negócio.

8. Se o imóvel estiver ocupado deixe o cliente à vontade no momento da visita. De preferência, o corretor deve mostrar sozinho o imóvel.

9. Negociações exigem habilidades, treinamento e experiência, portanto a assessoria de um corretor é imprescindível, pois o envolvimento das partes (vendedores e compradores) provocam emoções que prejudicam a habilidade de negociar e freqüentemente acabam em negociações insatisfatórias. E por fim, ao receber uma proposta seja flexível na negociação.

(Fonte: Lello Imóveis)

 
 

Copyright MundoMidia.com- Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Imóvel Agora
Crie seu site com a MUNDOMIDIA.com